terça-feira, 6 de abril de 2010

Flash...

Diversidade de cores, figuras, eventos e motivos.
Os dias. As noites. Os amigos.
Histórias, bebidas e sorrisos.
É tudo o que resta na superfície fina da fotografia.
Os laços invisíveis que havia.
E quando o dia não passar de um mero retrato,
Colorindo de saudade o meu quarto
Só aí vou estar certa, de fato!
Que eu fui feliz.

Um comentário: