Agendei te esquecer...

Maio já está no final. Recordo-me de que agendei te esquecer em Maio retrasado e os resultados foram frustrantes.
Ainda adiciono os passos com a solidão e divido a diferença de nossas sombras. Finjo redescobrir cada canto da casa, para não parecer insana em andar ansiosamente pelo breu que cega esses cômodos vazios.
Dissolvo minhas lembranças em um copo submerso de saudade e acabo embriagada com a sua voz, seu toque e seu cheiro. Atiro-me sem culpa, de braços abertos para o nada e sinto o veludo grosseiro do sofá esfolar minha face.
Ouço passos embalando algumas notas musicais em um ritmo lento e gracioso. Tateio, no limite dos meus braços, as sombras de formas arredondadas amontoadas no canto. Suspeito ser as almofadas cor de amêndoa. Então noto que ela ainda não veio deitar-se.
Lá fora, as folhas chacoalham a favor do vento e, aqui, a solidão continua a dançar entre um tapete e outro da casa.
De repente os passos aproximam-se da sala, ela passa por mim e, como um sussurro, anuncia uma nova noite de insônia.

41 comentários:

  1. Uma noite de mais saudade...

    BeijinhoS*

    ResponderExcluir
  2. pro amor não se tem data de validade.
    saudades doi demais.
    :*

    ResponderExcluir
  3. A saudade misturada com a solidão é a fórmula certa para se envenenar a mente.
    Lindo, como sempre.

    Bjs...

    ResponderExcluir
  4. Se essa receita der certo
    FAvor me enviar por e-mail, rs
    Bjos
    =)

    ResponderExcluir
  5. "Dissolvo minhas lembranças em um copo submerso de saudade e acabo embriagada com a sua voz, seu toque e seu cheiro. Atiro-me sem culpa, de braços abertos para o nada e sinto o veludo grosseiro do sofá esfolar minha face."
    Encontrei-me por inteira aí! muito bom...
    beijos

    ResponderExcluir
  6. Seu texto me lembrou que a noite toma qualquer vontade de continuar...naquele periodo até o sol nascer ficamos presos na lembrança da pessoa e somente o sol quando chega e se chegar, vai espantar as memórias que sabemos que quando vier a noite vai voltar...
    Gostei do Blog

    ResponderExcluir
  7. Acho a Solidão uma forma de termos como prova nossos próprios sentimentos, às vezes, eles mesmos se perdem em sua própria solidão que os isolam de nós e com isso acabam afetando-nos como o incompreendível.

    Muito liindo ana,
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  8. saudade não tem cheiro nem cor, e nem está perto de ser indolor. mt lindo beijos

    ResponderExcluir
  9. "De repente os passos aproximam-se da sala, ela passa por mim e, como um sussurro, anuncia uma nova noite de insônia..."
    Lindooooo
    :]

    ResponderExcluir
  10. Pois é, tem saudade que é gostosa, que dói mas é gostosa, pq tem a certeza do bem querer. mas a saudade mais comum não é essa e aí dói mais.

    Beijooos

    ResponderExcluir
  11. Se aprendertes cumprir um agendamento como este, por favor não se faça egoísta divida comigo que não consigo cumprir a agenda desde Abril de um ano passado.
    A insônia de fato tem assolado o leito deste que escreve feito um desesperado.

    Espero realmente que a insônia lhe deixe, e quando partir que parta também esta que me faz companhia todas as noites.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. e, afinal, a triste conclusão: as questões do coração são incompatíveis com as da agenda. é que as sombras da insónia chegaram primeiro e apoderaram-se de todas as marcações. creio bem que, apenas quando o cansaço e o tédio furarem as suas folhas, deixarão espaço ao esquecimento... alguma vez isso acontecerá? hum...
    beijinho!

    ResponderExcluir
  13. Lindo texto!!

    Esquecer: como é difícil...


    Bjo

    ResponderExcluir
  14. adorei o texto..
    Muito bom. Sabe, ás vezes eu sinto solidão de mim mesma.

    beijinhos

    ResponderExcluir
  15. "Atiro-me sem culpa, de braços abertos para o nada e sinto o veludo grosseiro do sofá esfolar minha face"... Adorei post... texto lindo!! Bjos.. espero vc por aki essa semana!!!

    ResponderExcluir
  16. acho que a saudade não ajuda esquecer, ela deixa a chama acessa, pra gente lembrar e querer por perto quem não está.
    adoro tuas palavras, sempre sempre.
    beijos

    ResponderExcluir
  17. Um dias essas noites não mais existirão e você olhará para os lados e não verá mais ele , um dia , ele virá . Ameei o texto *-*'

    ResponderExcluir
  18. Deixe que todo o processo aconteça naturalmente porque em algum momento colocar-se-á pronta para a liberdade do que hoje aprisiona o seu ser.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  19. amor, adoro quando você vai me visitar *-*
    beijos :*

    ResponderExcluir
  20. ...e esses sentimentos que não vão embora.Belo texto!
    Uma ótima semana!
    Um abraçoooo!

    ResponderExcluir
  21. _ oooi, gostei do bloog '
    estou seguindo se quiser retribuir <33
    tudo de bom, beijo *-*

    ResponderExcluir
  22. Bom seria se fosse só escolher uma data.

    ResponderExcluir
  23. lembrar de esquecer é um ato falho... substituir lembranças traz mais sucesso.

    Beijos!

    http://meuprojetopiloto.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  24. Esquecer nunca é assim tão certo, quanto mais. Pensar em esquecer é um motivo para lembrar. E amar é um motivo para não esquecer jamais. Saudade dói, sim. Mas é mais fácil viver com saudade do que viver em solidão. Sei lá, viu?
    Beijos, :)

    ResponderExcluir
  25. nao agende nao,simplesmente leve a vida,saudade até que é bom

    ResponderExcluir
  26. Ameeeei, gata!
    Já disse e repito, adoro seu blog, adoro seus textos, sempre lindos!!!
    O difícil é esquercer, o que se foi tão intenso em nossas vidas, o que foi tão marcante!

    ResponderExcluir
  27. "De repente os passos aproximam-se da sala, ela passa por mim e, como um sussurro, anuncia uma nova noite de insônia."


    Arrasou, como sempre! : )

    ResponderExcluir
  28. boa noite!!
    vim te visitar e agradecer o seu carinho.
    linda noite com carinho e bjos.

    "Amo pessoas que fazem do presente um caminho para o futuro com algumas trilhas secundárias e até alguns atalhos...Elas entendem de liberdade..."

    (Ledy Foppa)

    ResponderExcluir
  29. Olá... vim agradecer por ter passado no meu cantinho e me desejado feliz aniversário.
    :)
    tudo de bom pra vc!
    bjinhos.

    ResponderExcluir
  30. MARAVILHOSO ESSE TEXTO! Uma perfeita descrição de amor+tristeza. Já senti algo assim...

    Estou seguindo teu blog.

    Bjss, ótimo restinho de semana pra ti! :*

    ResponderExcluir
  31. Adorei! Adorei! Adorei!
    Tuas palavras me encantam cada vez mais :D

    ResponderExcluir
  32. É difícil pra mim cumprir essas pequenas coisas de prometo. Gostei do texto, beijos (:

    ResponderExcluir
  33. saudade, solidão, amor não conrrespondido e vontade de esquecer... coisas de tirar o sono :|
    desejo apenas que vc siga feliz, apesar de tudo isso. :D Beijos!

    ResponderExcluir
  34. Lindo Lindo Lindo ^-^
    o amor não tem um tempo certo, né?

    bjão =^.^=

    ResponderExcluir
  35. Pena as nossas agendas não se auto-cumprirem sozinhas.

    ResponderExcluir
  36. adorei, principalmente o finalzinho. devíamos nos preocuparmos mais em sermos felizes. (:

    ResponderExcluir
  37. E as noites cinzentas de Maio trazem as saudades empoeiradas que teimam em grudar em nosso peito!!!

    Divino, me vi em cada linha!!!


    beijo enorme, boa semana!!!

    ResponderExcluir